O merchandising é um dos conceitos mais famosos no mundo do marketing. Assim como outros termos que conhecemos atualmente, ele também teve origem no marketing tradicional.

Hoje em dia diversas agências, blogs e gurus do segmento já definiram vários significados para o que é merchandising. Segundo a American Marketing Association, o merchandising é:

Conjunto de técnicas embasadas principalmente na apresentação e rotação dos produtos, gerando diversas ações no ponto de venda com a intenção de aumentar a rentabilidade da empresa, colocando os produtos no local, durante o tempo e forma, no preço e na quantidade conveniente para obter os resultados esperados.

O merchandising começou nas lojas físicas, para promover produtos pela grande concorrência entre marcas, mas está evoluindo e se adaptado aos diversos segmentos e tipos de mercado existentes. 

Os objetivos essenciais do merchandising são:

  • incentivar e efetivar as vendas;
  • chamar a atenção e atrair clientes para sua marca, com os produtos.

Podemos dizer que, com a consolidação do e-commerce e m-commerce, utilizar o merchandising no mundo digital é essencial numa estratégia de marketing, basta observar os hábitos de compra da população: em 2018 a frequência de compra semanal de produtos online aumentou em 38%.

Veja alguns pontos que precisam ser levados em consideração no merchandising: 

  • Localização e disposição dos produtos em lugares estratégicos;
  • Utilização de cores e luz, desenho de vitrines, incluindo a forma de organizar os produtos na estante ou vitrine;
  • Utilização da identidade de marca com respeito à organização dos produtos;
  • Segmentação dos produtos de acordo com o tipo de negócio;
  • Marketing sazonal (dependendo da época do ano);
  • Protagonismo e visibilidade dos produtos;
  • Rotulagem e informações do produto.

Esses elementos são uma mistura de fatores para ter uma estratégia bem-sucedida de merchandising. Não estão em ordem de prioridade, todos precisam ser usados estrategicamente.

O conceito, os objetivos e elementos podem ser traduzidos no merchandising digital.

Porém, quando ouvimos falar de algum termo com a palavra digital, imediatamente o relacionamos com o mundo online e esquecemos que existem dispositivos digitais imersos nas nossas  rotinas, e essas tecnologias são capazes de proporcionar os mesmos resultados.

Então, o que é merchandising digital?

Conjunto de técnicas embasadas principalmente na apresentação e rotação de produtos, gerando diversas ações nos diferentes canais de uma empresa, com a intenção de aumentar a rentabilidade da empresa, colocando os produtos no canal, durante o tempo e forma, no preço e na quantidade conveniente para obter os resultados esperados.

Veja a seguir, alguns exemplos práticos para entender o conceito.

Você vai para Machu Picchu e, ao chegar em Cusco, você percebe que tem uma grande variedade de agências de turismo, todo mundo quer te vender um passeio turístico.

Como uma agência pode mostrar os benefícios do serviço aos turistas, se é um serviço intangível?

Uma técnica para usar merchandising poderia ser mostrar fotos, folhetos, brochuras do percurso. Porém, é muito provável que a agência tenha mais de um pacote de serviços.

Agora imagina que ao entrar na agência, você como turista percebe que existem telas com informações dos passeios, assim como vídeos do que poderá encontrar durante a experiência, além de preços, dicas e outras informações.

Se a empresa possui várias opções de viagens, poderia usar o merchandising digital  favor do negócio, exibindo os pacotes mais vendidos, ofertas especiais, pacotes por estação do ano e dar mais ênfase ao que o público mais procura. Tudo isso utilizando os elementos mencionados antes e fatores únicos: criatividade, diferenciação e impacto.

Outro exemplo prático poderia ser uma loja de moda online. É muito provável que empresas desse tipo tenham muitos produtos como roupas, acessórios e itens de uso pessoal. Se sua estratégia de inbound marketing já entregou resultados, com certeza haverá muitos leads olhando seu catálogo de produtos.

Essa empresa pode mostrar com mais destaque os produtos mais vendidos, priorizar ofertas especiais do mês ou semana, e criar estratégias de segmentação de acordo com o usuário que está navegando na plataforma. As opções são infinitas. Isso é merchandising digital!

Levando em consideração que a base de tudo é desenhar uma boa estratégia de marketing, não existe mágica, pelo contrário, tudo deve ser científico. Estude continuamente sua audiência e observe o comportamento dos seus clientes. O merchandising digital segue a mesma linha.

Podemos dividir o merchandising digital em 3 tipos::

Campaign – Based Merchandising

É baseada na segmentação de usuários de forma pré definida, por um cruzamento de dados do perfil, histórico e ações em comum do seu público. Leva em conta o comportamento ou interesse similares que as pessoas demonstraram recentemente no ponto de venda.

Contextual Merchandising

Conhecido como merchandising dinâmico. A informação, promoção ou desconto são customizados através de estudos de perfis pessoais, para disparar uma promoção única para cada cliente. 

Algorithmic Merchandising

Este tipo é customizado ou micro segmentado de acordo com algoritmos específicos de comportamento. Nesse caso o anúncio pode ser veiculado a uma pessoa, enviando promoções com base nas ações, compras e buscas dentro de uma determinada página.

Todo mundo ouviu alguma vez a famosa frase “o amor nasce num olhar”. Esse é o principal fundamento do merchandising. Usar uma boa identidade visual, em conjunto com outros aspectos como uma segmentação certeira e boa localização, te permitirá construir um bom posicionamento na sua empresa e obter resultados significativos.

Seja tradicional ou digital, é preciso implantar uma estratégia de merchandising no seu ponto de venda. É crucial adotar essas ideias no ponto de venda físico, por ser o lugar de compra mais estratégico. Conquistar a sua audiência com modernidade, inovação, criatividade e ainda entregar informações relevantes, são pontos que devem considerados na hora de escolher o melhor caminho.