Quem começa a se interessar por Mídia Digital Out of Home ou TV Corporativa, rapidamente descobre que esse tipo de projeto depende de alguns pilares básicos:

  • Equipamentos: contemplam todo hardware, monitores, elementos de rede, cabeamento, suporte, etc;
  • Conteúdo: trata-se de um dos principais elementos, dado que a qualidade do conteúdo influenciará diretamente o interesse do público em olhar para os monitores;
  • Software: um projeto de Digital Signage precisa de softwares que automatizem os processos de gestão de programação e monitoramento dos players, permitindo o crescimento orgânico da rede;
  • Operação: reúne todas as atividades relacionadas ao projeto, desde o planejamento do conteúdo, atividades comerciais para venda de anúncios e prospecção de pontos, etc.

Neste texto discutiremos como a utilização da tecnologia Android pode ajudar a sua empresa a ser bem sucedida no mercado de Digital Signage.

O mundo foi invadido por dispositivos Android. Em 2013, 81% dos smartphones do planeta eram controlados pelo sistema operacional Android, segundo o Blog The Next Web.

Dispositivos controlados por Android têm um compromisso tácito com a reprodução de vídeos de qualidade, dado que um ecossistema virtual em torno da reprodução de vídeos nesses dispositivos tem evoluído muito nos últimos anos. Tanto a evolução tecnológica (evolução dos formatos, Codecs, etc), quanto o barateamento de equipamentos e disponibilidade de banda larga a preços cada vez mais acessíveis, contribuem para esse fato.

Diante disso, a indústria de Digital Signage percebeu que o Android era perfeito para ser utilizado como um player de sinalização digital. O Android é um sistema operacional que tem se tornado cada vez mais maduro e estável, permitindo operação sem paradas durante vários dias, o que é essencial para um player de mídia digital.

A arquitetura de distribuição e atualização automática de aplicações por meio da Google Play Store (loja online de aplicativos) também é um fator determinante para que softwares de digital signage sejam portados para Android.

Agora o principal fator, o preço. Um Player de Digital Signage Android custa em torno de 30% do valor de um Mini PC controlado por linux. E essa relação é ainda mais favorável ao sistema da Google se incluirmos na conta o custo de licenças de Windows. Ou seja, um player de digital signage fica barato!

A indústria tem produzido mini pcs android, equipamentos com configurações semelhantes a de tablets e smartphones que usamos no dia a dia, porém sem tela. Esses equipamentos são facilmente ligados a monitores e TVs por meio de interface HDMI. Esses dispositivos têm estrutura muito simples, sem partes móveis e sem necessidade de ventilação, o que minimiza problemas por defeitos de periféricos, o que é muito comum nos PCs.

Por todos esses motivos, empresas brasileiras e estrangeiras produtoras de software para Digital Signage têm desenvolvido versões de seus aplicativos para rodarem nesse sistema. Ao que tudo indica, é um caminho sem volta.

E você, já está utilizando Android em seu projeto de mídia indoor? Experimente Grátis o sistema 4YouSee para Android. Deixe suas impressões e suas experiências com Android em um comentário ao final desta página.

Modelo de negócios Digital Signage