Desde 2014 o número de fechamentos de empresas supera o número de aberturas no Brasil. Só em 2016 foram mais de 600 mil empresas fechadas no país. Vários motivos apontados por especialistas podem ser citados como responsáveis por essa estatística. Porém, um dos maiores problemas enfrentados pelos empresários no dia a dia, é a falta de um planejamento efetivo de comunicação.

Quando falamos de comunicação sempre lembramos de estratégias de divulgação e campanhas publicitárias. Mas alguns detalhes simples na rotina da empresa podem passar despercebidos e atrapalhar a experiência do cliente, gerando prejuízo para o negócio.

Informações acessíveis sobre os produtos, sinalização dentro da loja e a possibilidade de obter feedbacks do cliente são alguns pontos que podem ser melhorados para aumentar a lucratividade. Veja algumas falhas de comunicação que podem gerar prejuízo para a sua empresa.

Poucas informações sobre os produtos

A tecnologia trouxe mais facilidade para nossas vidas e com isso as pessoas estão se tornando mais práticas. Esse hábito reflete na forma que elas consomem: hoje, bastam alguns cliques na internet para encontrar as informações necessárias sobre algum produto. A falta de informações sobre a empresa e os produtos podem afastar os clientes e isso impacta diretamente na lucratividade.

No ponto de venda é importante que as informações do produto como preço, detalhes sobre a fabricação e instruções de uso estejam destacadas para que as pessoas tenham o mínimo de dúvidas possível.

Investir em materiais informativos para redes sociais também é muito importante para a estratégia de comunicação. Conteúdos como a história da empresa, promoções e mais informações sobre os produtos, ajudam a dinamizar o negócio e criam interatividade com o público.

Falta de sinalização

Uma pesquisa realizada pela Fedex, mostrou que 7 em cada 10 consumidores associam a qualidade da sinalização da loja com a qualidade dos produtos. O layout também faz parte da comunicação com o cliente. 

Já entrou em uma loja e perdeu um grande tempo procurando os produtos que você precisava comprar? Além de ser cansativo, pode ser um pouco irritante para algumas pessoas. A ideia da sinalização é que o próprio cliente consiga encontrar tudo que procura, sem a necessidade de um atendente. 

Com estratégias simples esse problema pode ser evitado. Indicar a entrada e a saída da loja, a localização dos caixas de pagamento, provadores e outros serviços da loja irão facilitar o processo de compra. E lembre-se: o cliente só levará o produto se ele encontrar o que está procurando.

As placas já são muito usadas em farmácias, supermercados e lojas de departamento, mas podem ser adotadas em qualquer estabelecimento. Além de mostrarem o lugar certo onde os produtos estão localizados, também podem ser usadas para divulgar outros produtos que podem ser comprados juntos, por exemplo: calças e camisas em lojas de roupas, e shampoos e cremes finalizadores em supermercados e lojas de cosméticos.

Não ouvir os clientes

Os clientes são a base do negócio. Eles querem e devem ser ouvidos. Apesar de tudo, a famosa propaganda boca a boca ainda tem muito valor para os consumidores. Quem fica insatisfeito com o serviço pode afastar potenciais consumidores.

Investir em um meio onde o cliente possa avaliar os serviços da empresa é uma boa forma de consertar falhas no processo de compra e prevenir erros futuros. Esse feedback pode ser feito por meio de aparelhos instalados no caixa ou até mesmo com perguntas feitas durante o processo de compra. 

Nesse momento, todos os comentários são válidos. Preste bastante atenção nas demandas criadas. Elogios e críticas devem ser levados em consideração para fazer melhorias no atendimento prestado pela loja: adicionar produtos solicitados pelos clientes, mudar a organização dos produtos, dentre outras possibilidades.

Muitas pessoas usam os meios virtuais para reclamar ou buscar soluções para algum problema. Sites como o Reclame Aqui, por exemplo, recebem cerca de 600 mil pesquisas de reputação de empresas por dia. É importante ficar atento ao que está sendo falado e resolver eventuais problemas, pois a resolução é uma forma de melhorar a reputação da empresa e aumentar a confiança dos clientes.

As redes sociais também não devem ser ignoradas. Fique atento aos comentários de sua página no Facebook ou no Instagram. Conteúdos dinâmicos como caixas de perguntas e enquetes, além de aumentar a interatividade também é uma maneira rápida de se ter um feedback. 

Se aproximar do consumidor e ouví-lo é muito importante para saber quais são as principais dúvidas e incertezas em relação ao produto que você oferece. Isso ajuda a melhorar a qualidade na forma que a empresa leva as informações ao público.

Comunicação inconstante

Todos os dias somos bombardeados por propagandas e conhecemos novas empresas que vendem os mesmos produtos. Estar presente na rotina dos clientes é muito importante para manter a relevância da sua marca. 

Ter um site ou uma rede social e achar que esse problema já está resolvido é um grande erro. A internet pode ser uma boa forma de atrair atenção e manter a comunicação com os que já compraram da sua empresa. Investir em conteúdos úteis e atrativos gera dinamismo na internet. Essa é uma boa forma de se aproximar do público.

Lembre-se que o consumidor muda de comportamento constantemente. Com tantas opções, atualmente é mais difícil que as pessoas se mantenham fiéis a uma marca. Esse dinamismo online certamente funcionará como um trabalho de retenção dos clientes. É mais fácil manter a relação para que eles continuem comprando do que resgatá-los depois de um determinado tempo.

Seja através da tecnologia ou pelos meios tradicionais, uma boa comunicação é essencial para o sucesso da empresa. Investir em ações que facilitam o processo de compra e resolvem eventuais problemas, é muito importante para que seus consumidores tenham uma boa experiência de compra e voltem a comprar com você.

Com algumas atitudes básicas a relação com o cliente final pode ser otimizada e gerar mais lucros para o negócio. Investir em um projeto de comunicação eficiente é investir no futuro da empresa, garantindo uma boa posição dentro no mercado.