All posts tagged 4YouSee

Motivação no Trabalho: Valores que Inspiram Pessoas e Equipes


Muito lemos sobre motivação no trabalho, sobre como manter equipes motivadas, fazemos uso de termos estrangeiros como “growth mindset” de Carol Dweck e frases motivacionais que evocam a força do nosso pensamento positivo. Todavia, quem realmente faz acontecer profissionalmente sabe que o sucesso está mais intimamente ligado com atitudes do que com grandes discursos. Ainda sim, sabemos que, em alguns dias, é importante perceber o lado virtuoso das coisas, antes de se questionar o tamanho de seus resultados. Confira como algumas máximas do mundo corporativo, da filosofia de startups e vivências dos nossos profissionais podem realmente nos ajudar a buscar o melhor resultado, todos os dias:  

1.Cultura do Dono

Ter pessoas motivadas por desafios, trabalhando em equipes com a mentalidade – ou mindset – de quem é responsável por aquela função ou tarefa a longo prazo. É essa uma das principais lições do livro “Como o Google Funciona”, de Eric Schmidt e Jonathan Rosenberg, ambos já envolvidos com a alta cúpula das decisões da corporação. Na leitura, constatamos o empoderamento do consumidor: capaz de fazer sua própria curadoria de preços, o comparativo da performance de produtos e as inovações técnicas ofertadas. E esta é a grande mudança que exige novas propostas de valor por parte da empresa. Quando os colaboradores interiorizam essas propriedades, as melhores soluções e mais perenes surgem, garantindo o posicionamento favorável do seu negócio.

Quando celebramos as conquistas de grupo como um todo e incentivamos a proatividade dos colaboradores, as entregas causam mais impacto e são orientadas para a evolução de processos e adoção de novas tecnologias. Além disso, o compromisso com a continuidade dos projetos é uma causa e consequência da retenção de talentos alinhados com a cultura da empresa.

2. Encarar novos desafios

Para manter o foco e motivação dos times, um dos valores que nunca perdemos de vista na 4YouSee é o de se “Encarar Desafios”, relata o product owner Jonathan Reis. Quando a produtividade é afetada e o ritmo da equipe diminui, ele nos conta que investiga os problemas da equipe, na tentativa de “resolver aquilo que é de meu poder, aquilo que não está no “colo”, tento apoiar, ouvir, guiar muitas vezes e as coisas costumam se resolver.”

Saber que o crescimento dos profissionais e melhorias dos processos estão fora da zona de conforto é outro passo para se adotar a tônica de enfrentar desafios de modo destemido, visando aprendizado e desenvolvimento. Bem como, entender que os pensamentos do momento não podem interferir nos rumos de longo prazo é o que mantém os gestores sempre presentes para trazer o clima para níveis saudáveis e produtivos.

3.Ser Feliz

Também destacado pela analista de recursos humanos, Paola Aredes, o conceito de “ser feliz” está internalizado no cotidiano dos colaboradores com o efeito diário da cultura organizacional. Bem como o reconhecimento possui papel importante no engajamento das pessoas, a noção de metas coletivas e individuais, orienta a equipe para superação de objetivos e aprendizados constantes. Jonathan nos conta como ele se relaciona com este tópico dentro da 4YouSee: “ a cultura é tão internalizada, próxima, real e tangível que para mim e para a maioria das pessoas, que eu acredito, é algo que acaba fluindo de forma natural. Isso não quer dizer que não tenhamos tropeços. Acredite, eles existem e quase todos os dias.” 

Promover internamente este ânimo, força, felicidade e autoconfiança para se guiar o crescimento através dos erros cometidos na jornada é fruto dos diálogos abertos e recorrentes entre os times e gerentes. Inspirar as equipes com positividade e estímulo do autoconhecimento é fundamental para garantir o bom andamento da empresa. Segundo Shawn Achor, advogado da psicologia positiva e professor de Harvard: “Apenas 10% do que pode ser chamado de felicidade a longo prazo é referente ao contexto do mundo externo. Mas 90% do que pode ser chamado de felicidade a longo prazo faz jus à maneira como o nosso cérebro interpreta o referido mundo externo”. Baseados neste dado resultado de uma pesquisa sobre ambientes profissionais, percebemos que a crença na capacidade da entrega é cultivada em cada um mais que no grupo, o que pede que as lideranças trabalhem verdadeiras mentorias individuais com seus colaboradores.

Um lembrete de bônus é relativizar a baixa produtividade de alguns dias, afinal, nenhum caminho é linear. Dias ruins não sinalizam incompetência e desacreditam estratégias. Devemos sempre manter a perspectiva dos resultados a longo prazo e entender que entregas humanas jamais serão lineares, que o descanso e distanciamento são essenciais para prosseguir de forma mais consistente.

Ficou inspirado? Não deixe de conferir nosso conteúdo exclusivo sobre como utilizar as nossas soluções de TV corporativa para motivar seus funcionários no nosso artigo: Como Utilizar a TV Corporativa para Motivar seus Colaboradores.

Até breve!

Tendências 4YouSee para 2021

Com o fim de ano, é inevitável pensarmos em metas e estratégias para construir o planejamento ideal, para potencializar os recursos, oportunidades e promover o crescimento do seu negócio. E principalmente depois de passarmos por um ano atípico, que acelerou a digitalização de tantos processos e mudou os hábitos de todos drasticamente com o desafio da pandemia do Corona vírus.

Interpretar os sinais de mudança e informação dos maiores especialistas e relatórios das empresas líderes de mercado é indispensável para retomar com força total neste novo ano. Nós da 4YouSee, fizemos a curadoria das 5 tendências de maior destaque para 2021, inspire-se conosco e garanta o melhor posicionamento neste novo ano, confira! 

Agilidade 

Se já no início da teoria de administração de empresas se dizia sobre “adaptar-se ou morrer”, com a reviravolta global causada pelo vírus Covid-19 colocou à prova esta máxima. Além de trazer para a prática radical de metodologias ágeis, afinal, a situação que se impôs derrubou planejamentos e previsões de mercado sem a menor cerimônia. A incerteza e volatilidade do cenário geral trouxe a necessidade de tomar decisões e implementar soluções em velocidade recorde – o que pede a integração rápida de times, a burocratização mínima e a priorização de alinhamentos objetivos feitos entre os envolvidos. 

As já questionadas estruturas organizacionais tradicionais foram forçadas a se flexibilizar para continuar mantendo entregas e principalmente, reajustar seus objetivos e metas. O modo de trabalho de startups e empresas de tecnologia: com equipes reduzidas e diálogos horizontais foram o modelo para este ano, exigindo regimes de home office e outras adaptações em todos os outros setores. Aceleramos a intensidade da adoção das tecnologias em anos, chegando a um nível que ainda parecia um pouco distante nesta escala. Mais do que adaptar processos, os profissionais também precisaram se adaptar entre a gestão do tempo e ambiente de trabalho.

Interações ainda mais humanizadas

Com boa parte do mundo confinado na intimidade de suas residências, a necessidade de se proporcionar interações que amenizam a solidão destes meses foi uma das prioridades e grande desafio para empresas e indivíduos. Uma das soluções mais populares foram as videoconferências feitas pelo Zoom, eleito Aplicativo do Ano pela AppStore. O Zoom abrigou desde reuniões corporativas a workshops e mesmo, reuniões entre família e amigos. Interfaces simples e objetivas estão presentes neste e outras ferramentas favoritas deste ano.

Em termos de serviços, as premissas do Customer Success foram da mesma forma, adotadas por setores gerais, onde talvez a lógica dos atendimentos de SaaS ainda fossem distantes. A head de business marketing do Instagram, Grace Kao, discorre sobre a mentalidade de co-criação junto aos clientes que as ações de marketing devem colocar como diretriz em suas ações. Segundo Kao, a frequente ativação da audiência na construção dos produtos, resulta em maior engajamento e lealdade. A empatia e escuta ativa são outras tendências que se intensificaram e se antes eram desejáveis, agora são requisito para o desenvolvimento e consolidação da cultura de qualquer negócio. 

Telas como novas janelas para o mundo

As telas ficaram ainda maiores e mais versáteis, com novos tamanhos e formatos – destaque para os modelos com bordas curvas que prometem experiências ainda mais imersivas. Também estão com imagens cada vez melhores, com resolução e brilho ainda mais fiéis à realidade – se não, uma versão ainda mais rica das cenas captadas pelo olho humano. 

A interatividade vem customizar ações institucionais, reinventar call-to-actions e criar novos espaços de contato com o usuário final. As tecnologias OLED, LED, QLED, mLED, QD-LED trazem o que há de melhor em termos de cor e definição para as imagens.

Privacidade de dados

Como um desdobramento do aprofundamento das conexões com o consumidor sob a ótica da empatia, o cuidado com a privacidade do consumidor, é mais um novo ponto de atenção para não perdermos de vista. Com o endurecimento das leis europeias e americanas a respeito da proteção dos dados de usuários de serviços digitais, acompanhadas pela legislação brasileira: termos de uso, permissões e integrações com outros aplicativos devem ser revistos. Certifique-se de escolher fornecedores seguros, ser transparente e documentar todos os processos de veiculação de imagens nas suas operações. 

Gestão de recursos otimizada

Com amplos cortes de orçamento e uma economia em retração profunda, demissões em massa e planos de contingência foram uma realidade que atingiu todos os continentes e organizações de todos os tamanhos. Na área de digital signage, serviços de assinatura foram revistos e aqueles que de menor valor foram a escolha da maior parte das empresas. 

Além disso, buscou-se o reuso e a liberdade na hora de trabalharmos com hardware e estrutura. Um desdobramento deste otimizar recursos foi na produção de conteúdo – com esforços reduzidos, eles também passaram a ser criados de forma versátil, para múltiplos canais ao mesmo tempo. O Princípio de Pareto, que chama 80% dos resultados como frutos de 20% do investimento previsto nunca foi levado tão a sério, vale levar a mentalidade para o próximo ano!

E então, preparados para 2021? A resposta certa que 2020 nos ensinou é de que nunca podemos ter certeza daquilo que nos espera, mas que ainda sim, vale a pena se organizar e manter os olhos atentos às mudanças ao nosso redor.

Até breve, com mais conhecimentos e aprendizados do nosso para o seu negócio!

Hardware da 4YouSee para Digital Signage

Uma das bases para qualquer projeto bem-sucedido de mídia indoor ou TV Corporativa é o uso de equipamentos adequados, que vão garantir um funcionamento sem interrupções e uma exibição de conteúdos fluída, de alta qualidade e sem lentidões ou travamentos.

Leia mais

4YouSee estreia nova cara!

Na 4YouSee sempre estamos trabalhando para melhorar nosso serviço, entregando mais benefícios e praticidade, dessa vez fizemos algumas melhorias na nossa plataforma, obrigado pela sua preferência!

Leia mais

4YouSee em Nova Iorque – com grandes surpresas!

Neste domingo, 13 de janeiro, começou a edição 2019 NRF Retail’s Big Show, a maior feira de varejo em todo mundo. O evento que acontece todo ano, em janeiro, em Nova Iorque, reúne grandes marcas e especialistas no tema para uma semana de conferências e exposição dos maiores fornecedores de soluções para varejo do mundo inteiro.

Leia mais